Crônicas

Saudade dele

Logo a entrada do meu consultório pode-se ver um grande mural. Trata-se de um quadro onde estão inseridas fotografias antigas. Pessoas de saudosas recordações ali estão. Meus pais, meus avós, tios queridos. A maior parte destas figuras enfeitam galerias no céu. Num destes retratos, assentados lado a lado, perfilam quatro irmãos. Dois já subiram ao […]

Continuar lendo